Virtuagym: app controla treinos e alimentação

1 Comment

Sou um tanto curiosa no que diz respeito a aplicativos para web ou celular que possam dar uma ajuda na hora de controlar as atividades que nos propomos para melhorar a qualidade de vida. Já testei alguns bem legais como o Runkeeper (que monitora treinos), o C25K (que ajuda a completar os primeiros 5K correndo) e o Daily Water (para lembrar de beber água).

Hoje eu queria dividir com vocês o que achei do VirtuaGym, um aplicativo para web que controla treinos aeróbicos e de força, além de monitorar (na versão paga) o seu plano alimentar. Duas coisas animam os participantes a seguir atrás de desafios: o ranking que mostra os 100 top usuários por mês e desde que o aplicativo foi criado em 2012; e um painel de badges, dadas aos participantes conforme atingem objetivos (parecido com o Foursquare ou o QuizUp).

Criado por desenvolvedores holandeses, a empresa é dirigida por gente muito jovem, quase todos baseados em Amsterdam. O inglês foi a língua oficial escolhida e por isso ainda são poucos os brasileiros cadastrados, além disso, ao contrário do restante do mundo, os brasileiros não costumam dar muito  pagar para que ter a versão mais completa (que eu tenho e é bem mais legal). Os pagantes, além de inserir sua dieta e cruzar esses dados com os de treinos (para consumir calorias e nutrientes de maneira mais balanceada segundo o que se escolheu), podem montar seus treinos e ter os exercícios exibidos no celular por meio do aplicativo disponível para iOS e Android.

É possível fazer o FitTest para mensurar sua condição física quando se inicia o uso e, a qualquer momento, para ter resultados comparativos. Esse mesmo teste determina sua idade metabólica, ou seja, quantos anos você tem baseados no seu preparo físico. O aplicativo também acompanha peso e medidas corporais, que ficam arquivados para consultas posteriores.

 

This slideshow requires JavaScript.

Na sua página você ainda pode publicar posts, como em um blog, que é acompanhado por quem visita seu perfil. Algumas das informações podem ter a privacidade modificada, mas o controle geral só existe para quem escolhe a versão paga, chamada de PRO.

Confesso que no começo achei que iria achar tudo um pouco chato, mas me envolvi com os desafios e estou completamente viciada. O efeito apareceu nos meus resultados, que foram melhorando com o passar dos meses.

Se cadastrar no VirtuaGym é bem fácil e rápido. A versão iOS está disponível no iTunes.

Alguém conhece ou já usa o aplicativo?

::::::::

Leia também:

Advertisements

Melhore o rendimento com música

2 Comments

© Agustina Guerrero

© Agustina Guerrero

O poder que a música tem de isolar o nosso pensamento é um velho conhecido dos tempos modernos e seus ruídos indesejados. Usamos para relaxar no caminho do trabalho, para descansar nos momentos de lazer, para dançar até o sol raiar e chacoalhar o esqueleto – e muitas vezes também na rotina de exercícios físicos.

Além de toda a sensação de prazer que é capaz de proporcionar, estudo publicado na Revista Brasileira de Psicologia do Esporte, do pesquisador Marcelo Bigliassi, mostrou que a música também pode melhorar o rendimento dos corredores quando utilizada com base em seu ritmo ou, mais especificamente, no número de batimentos por minuto (bpm).

Não existe estilo predeterminado, o importante é escolher músicas cujo ritmo, se não for possível medir os bpms, seja parecido ao número de passadas que se dá por minuto. Para descobrir o seu, conte durante um minuto cada vez que pisar com o pé direito no chão e depois multiplique por dois.

Segundo o especialista, para uma corrida de maior intensidade uma variação média de 120 a 145 bpm é o ideal, entre 115 e 125 para caminhar em velocidade moderada e até 100 bpm para caminhar em ritmo leve. O segredo está em escolher melodias que, quando se ouve, dão um gás a mais para continuar.

Para quem está se perguntando como descobrir o ritmo de uma música, sim, já existem aplicativos de celular para medir bpms. Um deles é o BPM, para iPhone (também funciona no iPad). Para celulares com sistema Android há o Live BPM.

Gasparian: campeão na iTunes Store brasileiraExistem milhares de playlists prontas para download disponíveis no iTunes para facilitar a vida de quem não tem tempo para ir atrás de músicas. Eu, pessoalmente, indico os podcasts do DJ Ronaldo Gasparian, alguns deles produzidos especialmente para manter o ritmo na corrida – os já famosos running sets com 128 bpms fixos. Esse luxo ainda é gratuito: você pode baixar pelo iTunes ou diretamente em mp3 na página oficial dele.

Então escolha a sua seleção, aperte o play e acelere o passo!

::::::::

Leia também:

C25K: 2 meses para correr 5k sem parar

2 Comments

Tela inicial do aplicativo de celular C25KMinha primeira meta depois do período de condicionamento de seis semanas era correr 5k direto, sem caminhar.

Quando se treina sem a ajuda de uma assessoria esportiva, é mais difícil, pois não temos quem nos indique e nos explique planilhas. Fora isso, é você quem tem que ficar de olho no tempo e isso é bem mais complicado em treinos intervalados – os queridinhos dos treinadores para aumentar as distâncias de forma escalonada.

Por isso fiquei completamente apaixonada pelo C25K, um aplicativo de celular que tem como objetivo fazer com que o usuário consiga completar 5 quilômetros ininterruptos, num prazo de dois meses, correndo três vezes por semana entre 30 e 40 minutos. Achei bastante razoável e resolvi que o app seria o meu personal running. :)

O melhor de tudo é que uma voz avisa a cada mudança de ritmo, pedindo para que se ande ou corra, conforme o determinado para cada dia de treino. Não é preciso ficar preocupado acompanhando o relógio. O foco está todo no seu corpo, na postura, na respiração. Isso faz com que a concentração seja melhor direcionada e os resultados apareçam rapidamente.

A cada semana, o tempo de duração e os intervalos mudam. Progressivamente, os períodos de caminhada diminuem e os de corrida aumentam. A transição é tão suave que a gente nem percebe que está correndo cada vez mais e andando cada vez menos.

No meu caso, acredito que seria melhor se houvesse mais algumas semanas de treino intervalado progressivo antes dos dias em que você corre ininterruptamente. Acredito que para a maioria das pessoas o aplicativo seja perfeito para completar os 5k correndo sem parar!

Existe a versão gratuita do aplicativo, que tem anúncios sendo exibidos na tela, e a paga (U$ 1,99), sem propaganda pra atrapalhar o visual.

É ligar o app, que ainda permite que você escolha, se quiser, a playlist de seu arquivo pessoal que achar melhor, e mandar ver!

::::::::

Leia também:

5 motivos para dormir bem e o que isso significa

Leave a comment

Dormir é atividade preferida de boa parte das pessoas. Principalmente daquelas que têm boas noites de sono. Existem muitas razões para que isso aconteça – todas elas relacionadas aos benefícios que recebemos em troca ao dormir bem.

Mas o que é ter um sono reparador? A ciência mostra que dormimos em ciclos de sono compostos por cinco estágios que variam durante a noite categorizados em graus de intensidade. O estágio 1 é classificado como leve e pouco reparador, pois os músculos, embora parados, ainda não estão relaxados. No estágio 2, um pouco mais profundo, a temperatura do corpo começa a baixar, respiração e batimentos cardíacos desaceleram. O verdadeiro descanso inicia a partir do estágio 3, quando o cérebro começa a gerar ondas delta, mostrando que entrou em fase de recuperação. O próximo estágio, com alta produção de ondas delta, é o mais profundo de todos, com respiração ritmada e muito pouca atividade muscular, ou seja, ficamos mais parados, sem muita movimentação na cama – é nessa fase que o organismo realmente se repara das atividades físicas e mentais que realizamos. No estágio 5, reconhecido pelo rápido movimento dos olhos – é o momento em que acontecem os sonhos, os batimentos cardíacos aumentam um pouco e por isso não é considerado um estágio reparador. Quem já passou a noite toda sonhando sabe que quando isso acontece as chances de se estar mais cansado ao acordar do que quando se foi dormir são altas.

Os ciclos duram em média uma hora e meia, se repetindo durante o tempo em que dormimos. E é por esse motivo que se recomenda períodos de 3 horas (dois ciclos completos) como parâmetro para se escolher a hora de acordar. Dessa forma, o corpo pode ser despertado quando se está em sono leve – segundo especialistas é o melhor momento. Normalmente, é melhor dormir 6 horas do que 7, ou 9 horas do que 10.

Para entender melhor o seu sono sem precisar fazer exames complicados em institutos especializados eu recomendo (porque uso e gosto muito) o aplicativo para celular chamado Sleep Cycle. Ele é gratuito e, colocado no colchão à noite, mede o nível de atividade muscular e a partir dessa informação identifica os ciclos de sono, acordando o usuário no momento em que seu sono está mais leve e dizendo qual foi a qualidade de sua noite em percentagem ao analisar se o sono foi profundo o suficiente para descansar o corpo e a mente. Além disso, é possível inserir notas personalizadas como “fiquei até tarde no computador“, “comi antes de deitar“, “crise alérgica“, “fui treinar hoje” (ou o que você quiser) para serem marcadas antes de acionar o aplicativo – depois de alguns dias além de analisar o sono, ele cruza as informações e diz quais delas são boas e quais são ruins para aquele usuário em questão.

This slideshow requires JavaScript.

Outra dica baseada na fisiologia humana é que é mais fácil ter um sono reparador quando os estágios mais profundos do primeiro ciclo de sono acontecem entre 23h e 2h. Para isso é preciso estar na cama, para dormir, no máximo às 22h30. Nada de ficar noite afora vendo tevê ou ter como rotina baladas noturnas. Você pode até dormir muitas horas quando voltar, mas não vai ser a mesma coisa.

Agora, depois de entender como a coisa toda funciona, que tal descobrir ou relembrar (pra quem já sabe, mas não pratica!) 10 bons motivos para prestar mais atenção à qualidade das horas que você passa reparando seu organismo?

  1. Deixa você mais bonita. Sabe aquilo que sua avó chamava de “sono de beleza”? Não é lenda. Quem dorme melhor fica com uma aparência mais descansada. Sem o período reparador, o corpo produz hormônios que são associados ao estresse, causando palidez, aumento das rugas, olheiras e inchaços – e se acelera a produção de radicais livres, os responsáveis pelo envelhecimento precoce. Ao mesmo tempo deixa de liberar o GH, hormônio do crescimento, que em adultos evita a flacidez e promove a renovação dos músculos.
  2. Emagrece. Não é mito. O maior gasto calórico que acontece enquanto estamos dormindo é causado pela regeneração do cérebro. Esse mocinho é uma verdadeira caldeira de energia, responsável por 20% de todo o seu gasto diário de calorias – boa parte delas durante seu processo de manutenção noturno. Mas para isso é preciso chegar ao estágio mais profundo de sono (aquele mais reparador, lembra?) várias vezes durante a noite, se não nada feito. Pra piorar, quem dorme mal fica com o metabolismo lento, o que ajuda no acúmulo de gorduras localizadas, e come mais no dia seguinte, pois não consegue metabolizar o hormônio leptina, que controla o apetite. Um estudo da Case Western Reserve University, nos Estados Unidos, mostrou que mulheres que dormem cinco horas ou menos por dia têm 32% mais chances de engordar quando comparadas a outro grupo, habituado a dormir cerca de sete horas diárias;
  3.  Melhora o humor. Dormir bem diminui a produção de cortisol, hormônio liberado em situações de estresse e associado a uma descarga de glicose na corrente sanguínea, deixando as pessoas mais tranquilas e aumentando por consequência o bom humor. As dificuldades do sono trazem cansaço, irritação e ansiedade;
  4. Facilita o aprendizado e potencializa a memória. Durante o descanso, ocorre a síntese de proteínas responsáveis pelo desenvolvimento das conexões neurais, melhorando habilidades como memória e aprendizado. À noite o cérebro faz uma varredura nos dados acumulados, descartando os supérfluos e guardando os importantes. Também é durante o sono que fixamos o que aprendemos – por isso quem dorme mal, geralmente, sofre para se lembrar de coisas simples, como episódios ocorridos no dia anterior ou nomes de pessoas próximas;
  5. Aumenta a expectativa de vida. Um estudo realizado pela American Academy of Sleep Medicine (Academia Americana de Medicina do Sono) mostrou que dormir bem é um dos segredos para viver mais. Ao analisar 2.800 pessoas, foi comprovado que entre os 65% que relataram qualidade de sono boa ou muito boa, com tempo médio diário de sono de 7,5 horas (incluindo cochilos), os mais velhos eram maioria. Aqueles com 100 anos ou mais, eram 70% mais propensos a uma boa qualidade de sono do que os participantes mais jovens, de 65 a 79. A insônia, por sua vez, aumenta em três vezes os riscos de morte em comparação com quem dorme boas horas de sono, segundo pesquisa do americano National Heart Lung and Blood Institute (Instituto Nacional do Pulmão e do Sangue), com mais de duas mil pessoas.

Como se vê (ou lê, se você preferir ser mais assertivo), sua beleza e, principalmente, sua saúde podem dar um alto salto em qualidade apenas com a melhora do sono. Nem é tão complicado assim mudar. Basta um pouco de organização e comprometimento.

Pra terminar, uma dica bem legal pra dormir melhor que uso e funciona sempre: pingue cerca de 5 gotas de óleo essencial de bergamota em um pedaço de algodão e deixe próximo da cabeceira da cama antes de deitar (coloque em cima de algo plástico ou de um pratinho pra não manchar o que estiver embaixo). Repita por três a sete dias. Depois volte aqui pra me contar. ;-)

E boas noites.

::::::::

Leia também:

Balança digital ajuda na dieta

Leave a comment

Pesar a olho a comida quando se está em reeducação alimentar pode ser perigoso para as curvas. Normalmente (você pode ser uma exceção, claro), a gente erra para mais, o que significa calorias indesejadas no prato e quilos que teimam em não ir embora no corpo.

Minha balança digital estava apagada há meses. Por pura preguiça, quando ia me servir, ia na intuição. Afinal não poderia estar tão errada para que a diferença pesasse – literalmente. Ontem tomei vergonha na cara e troquei a bateria. Pude comprovar que, infelizmente, meu “olhômetro” estava bem descalibrado…  :(

A única coisa que me deixou feliz foi que no peso da banana eu estava errando pra menos! hahahahaha! Eu sou muito macaca velha mesmo.

Brincadeiras à parte, a verdade é que eu estava sabotando meu programa de emagrecimento, mesmo que meio sem querer. Me matava pra gastar as gordurinhas e depois comia demais. Ou seja, a conta não estava positiva para o meu lado – a menos que eu quisesse que os números subissem no mostrador da minha balança do banheiro.

É importante que a balança seja daquelas pra pesar quantidades menores, pois são bem mais precisas e não queremos errar, verdade? Conforme for passando o tempo, você vai perceber que vai ficando mais claro quanto pesa cada porção de alimento – o que pode ajudar demais quando estamos comendo em restaurantes ou vamos a uma festa.

Investir em uma balança digital pode fazer toda a diferença no controle de calorias diárias

Investir em uma balança digital pode fazer toda a diferença no controle de calorias diárias

::::::::

Você também pode se interessar:

 

Monitor cardíaco, esse lindo

Leave a comment

Sem ele também é possível fazer atividade física, melhorar o condicionamento e perder peso. Mas quando o monitor cardíaco (ou frequencímetro) está na jogada, tudo fica muito mais eficiente. Resultado: você alcança seus objetivos com mais rapidez e menos sofrimento.

O funcionamento desse aparelhinho mágico é super simples: uma faixa presa abaixo do peito monitora os batimentos cardíacos (heart rate) e nos informa, no relógio de pulso que acompanha o kit, se estamos dentro do percentual de esforço que precisamos manter. Por exemplo, se você tem como objetivo emagrecer e – para isso – sua frequência cardíaca deve estar entre 70% e 80% de seu máximo, o frequencímetro mostra se você está ou não dentro dessa faixa de esforço.

Os modelos vão desde os mais básicos até os super tops, que possuem GPS, fazem back up automático de informações e permitem monitorar mais de uma pessoa ao mesmo tempo, mesmo com treinos diferentes. Os preços variam na mesma curva: é possível encontrar modelos entre R$ 300 e R$ 2500. Meu objeto de desejo é uma dessas super máquinas da Garmin ou da Suunto, mas por enquanto eles só aparecem nos meus sonhos. :)

O meu é um dos mais simples da Polar, mas cumpre o seu papel. Tenho há muitos anos (desde quando corria, provavelmente séculos atrás…), ultimamente anda dando umas enlouquecidas (tá ficando velho, tadico), mas normalmente não me deixa na mão. Mede frequência cardíaca, se estou dentro da zona de esforço, calorias gastas, tempo e faz as vezes de relógio.

Esse é o meu. Simples, um dos modelos mais baratos da Polar. Quem sabe um dia eu consigo ter um mais top! :)

Kit de faixa de peito e relógio de monitoramento. Simples, um dos modelos mais básicos (e baratos) da Polar. Quem sabe um dia eu consigo ter um modelo mais top!   :-)

Durante as primeiras seis semanas de treino, não usei. Queria voltar devagar, sem estresse, e sei que quando coloco o bichinho no corpo não paro de olhar os números. Agora que já estou melhor condicionada, ele é meu grande parceiro nas caminhadas mais longas, quando preciso manter os batimentos na zona de perda de gordura. Eu corro ou caminho rápido conforme o apito do monitor.

Logo no primeiro dia em que comecei a usar foi batata: me cansei menos e o treino rendeu muito mais. Isso acontece porque, como ele se baseia no seu condicionamento cardíaco, você não se esforça nem menos e nem além do que precisa.

Se a ideia é melhorar a performance e a eficiência, acredito que esse seja um dos melhores investimentos que se pode fazer.

::::::::

Leia também:

Daily Water: app lembra de beber água

2 Comments

Eu sei. A vida é corrida. A gente vive esquecendo a garrafinha de água em algum canto. Quem consegue lembrar de se hidratar na quantidade ideal todos os dias para ter uma vida mais saudável? Eu achava que tomava um tantão de água. Depois que descobri um aliado pra me lembrar da hidratação, percebi que a quantidade era muito menor do que eu imaginava.

Estou falando do Daily Water, um aplicativo de celular gratuito (eu uso no iPhone, não sei se serve pra Android também, mas vale a pena pesquisar o download), que avisa a hora de beber água conforme o que você programar. O meu “toca” de uma em uma hora, mas dá pra deixar sem som, aparecendo somente o lembrete na tela de abertura do celular.

Também é possível determinar o volume do copo em mililítros, se você prefere um copo inteiro, meio copo, 1/4 de copo. O app, na versão grátis, arquiva os últimos 20 registros (se você quiser guardar tudo sem limites precisa comprar a versão paga). Mostra em gráfico se você está tomando mais ou menos água por dia de semana.

O resultado é que estou tomando muito mais água. Simplesmente porque agora me lembro de beber. Fácil, prático. Amei.

Clique nas imagens para ver em tamanho maior.

::::::::

Anuncie no Segredos de Liquidificador

::::::::

Leia também:

RunKeeper e Termolen: ajuda pra queimar mais calorias

2 Comments

Ah, o tempo voa… A verdade é que também é chato ficar escrevendo aqui o tempo todo sem ter efetivamente coisas que valham a pena ser copartilhadas. Como quero que o blog se torne um agregador de conteúdo de valor, prefiro escrever menos vezes e melhor.

Preciso confessar que meu peso ainda está estagnado, mas a culpa é toda minha. Todo mundo sabe quando poderia estar dando mais de si para alcançar resultados e quando não está. Deveria estar fazendo mais exercícios e mudanças que demorei para fazer. Mas pelo menos a tendência de aumento dos números na balança parou. Estava ficando desesperada com as gramas acumuladas dia após dia, que estavam virando quilos a mais.

Nesse tempo que estive mais quietinha, muitas coisas aconteceram e provavelmente terei ainda mais novidades legais daqui algumas semanas, mas vamos falar sobre as experiências e descobertas dessas últimas semanas que estão me ajudando no processo de mudança e emagrecimento.

RunKeeper

Pesquisei, li e testei muitas opções antes de eleger o RunKeeper o meu aplicativo de celular favorito para o controle de atividades físicas. Como normalmente caminho sem acompanhante, o app fez as vezes de personal trainer light e registra o que faço, apresentando gráficos, enviando mensagens que servem como incentivo e me colocando em contato com amigos que também o utilizam.

Super fácil de usar, tem uma interface inteligente e, até agora, apesar de ter lido relatos sobre problemas de conexão (principalmente no rastreamento dos percursos pelo GPS), não tive perda de dados ou travamentos suspeitos. A única ressalva é que o uso do GPS faz a bateria acabar bem mais rápido, ou seja, olho nisso quando for fazer os seus workouts. Cheque antes o nível de bateria e carregue o aparelho pra evitar transtornos.

Se você também treina in door, é possível inserir os workouts manualmente para que os dados sejam usados em seus registros e gráficos. O interessante é que o app se comunica automaticamente com o site RunKeeper e você consegue acessar tudo do computador. Mas não vale ‘roubar’ e colocar números fictícios para impressionar os outros – você só vai estar se enganando e, pior, prejudicando a si mesmo.

This slideshow requires JavaScript.

RunKeeper: download grátis na AppStore. Acompanhamento de resultados e interações via site em runkeeper.com.

Termolen

Falemos agora do Termolen, um dos termogênicos baseados em cafeína e óleo de cártamo do mercado. Acabei comprando depois de ler alguns comentários de amigos que usaram, mas a bem da verdade, achei que o aumento de gasto calórico foi mínimo. O principal efeito que o produto teve em mim foi belas noites de insônia nos dias em que o tomei no final do dia. Mas provavelmente isso aconteceu porque quase nunca tomo café e, quando tomo, o excitamento gerado é bem maior do que para pessoas que costumam tomar a bebida regularmente.

Devo tomar os comprimidos pela manhã até que se acabe, para dar mais pique ao meu dia e à realização das atividades físicas, mas não pretendo comprar novamente.

Essas são as duas atualizações que achei interessante fazer aqui para que vocês possam usar as dicas, se as acharem úteis!

Volto logo, logo, com mais novidades.

;-)